Guia das baladas de Vancouver

Se você quer encontrar o movimento noturno em Vancouver vá para a Granville Street. Lá é onde ficam as principais boates e barzinhos da cidade. Não deixe de conferir:

Roxy: um lugar super descolado com banda de rock ao vivo todas as sextas.
Caprice: o melhor da música eletrônica toca lá todos os sábados.
Pub Ceilis: um pub graçinha bem estilo irlandês que fica lotados nos horários de happy hour, principalmente às quintas.
Tonic: Quando eu ainda estava morando em Vancouver, a boate mudou de nome, mas eu não me lembro. Só sei que fica ao lado da Caprice e toda terça era dia de tequila $3 dólares. Mesmo com o novo nome a promoção da tequila continuava, então vale a pena dar uma conferida. Era a preferida de todos os estudantes internacionais e o dj toca músicas variadas, das popzinhas até funk brasileiro.
Outras baladas que valem conferir:

Au Bar: também é bem popular entre os estudantes internacionais, o Au Bar toca de tudo um pouco passando pelas músicas mais famosas de diferentes países.
Lamplighter: essa boate foge do eixo dos estudantes, por isso, você vai encontrar muitos canadenses lá. É um barzinho que fica lotada em dias de jogos e mais tarde, um dj entra e o pessoal cai pra pista.
Balada gay: Vancouver é uma cidade super gay friendly e é na Davis Street que você encontra as melhores baladas gays.


Lembre-se que em Vancouver a idade mínima para beber é de 19 anos. Em todas essas baladas ele pedem identidade e são bem chatinhos e exigentes. Esteja sempre com o documento em mãos. Eu lembro de um dia que tentei entrar na Tonic e o segurança encrencou tanto com minha identidade que tive que ir em casa buscar meu passaporte! E olha que eu já tinha entrado lá outras vezes.
No Canadá não é permitido beber bebida alcóolica nas ruas e na hora de comprar bebibas certifique-se que você está com sua identidade porque eles pedem na hora de entrar nas liquor stores. Nem tente dar uma de brasileiro espertinho porque o Canadá é bem sério com essas questões. Eu lembro de uma situação em que passei com minha host family. A gente estava no carro voltando de um aniversário e o irmão mais velho Edward quis parar para comprar cerveja no drive-through de uma liquor store. Quando o vendedor viu que a irmã mais nova dele estava no carro, não permitiu que ele comprasse as cervejas. Entenderam a seriedade do país agora?
Fora isso, uma vez dentro das baladas, a diversão é garantida. Os canadenses são muito animados e adoram uma balada. Aproveite para treinar o inglês e divirta-se! Ah, as baladas lá começam cedo viu? Umas 20h as filas das boates já estão quilométricas. E umas 2h da manhã, já é hora de voltar para casa. Mas não se desamine por conta disso, é pura questão de costume.
Você conhece mais baladas em Vancouver? Já esteve em alguma que eu citei? Deixe seu comentário aqui! 

Deixe uma resposta